Mercado de Trabalho

Saiba agora como pedir aumento para o chefe da melhor maneira

Por Redação   | 

 Tag: Mercado de Trabalho

Você já deu um importante passo na carreira ao entrar na faculdade e conquistar o tão sonhado diploma, e agora está, enfim, no mercado de trabalho. Para muitos profissionais, não basta apenas trabalhar em um cargo almejado, é preciso adquirir valorização e ganhar um bom salário. Mas afinal, você sabe qual é a melhor maneira de pedir um aumento salarial para o seu chefe?

Se você se identificou com essa realidade, saiba que não está sozinho. Segundo dados compartilhados do Índice de Confiança Robert Half (ICRH), 40% dos profissionais estão insatisfeitos com o salário atual. Junto com a desvalorização na carreira, surgem reclamações sobre acúmulo de funções, salários abaixo da média do mercado e a falta de benefícios não-financeiros.

Pedir um aumento salarial requer planejamento, tanto por parte do profissional como por parte da empresa. Por isso, na hora de conversar com o seu superior é importante que você tenha em mente um panorama sobre o momento em que a empresa enfrenta e como a sua posição impacta nos ganhos para ambos os lados.

Preparamos um guia prático para você se preparar para pedir um aumento baseado nas suas qualificações e no seu comprometimento na profissão. Quer saber a como conversar com o seu chefe e chegar a um acordo vantajoso para você e a empresa? Então confira as dicas a seguir e saiba como pedir um aumento de salário da melhor maneira.

Comece sua pós-graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Analise o cenário atual da empresa

Antes de agendar uma reunião com o seu chefe, é fundamental que você separe um tempo para analisar o cenário ao qual a sua empresa está inserido e se há um balanço positivo nas contas. Geralmente, as empresas definem uma época do ano para, junto com a área financeira, estabelecer as metas do ano seguinte e o lucro que foi adquirido na temporada.

Para pedir um aumento, é necessário que você tenha certeza sobre o momento atual que a empresa enfrenta. Afinal, se ela estiver passando por dificuldades financeiras a sua conversa pode acabar gerando um resultado contrário para as suas pretensões.

Para analisar em que pé anda a sua empresa, converse com alguns colegas de outros setores e mantenha-se atualizado sobre o dia a dia da empresa. Dessa forma, você saberá estabelecer o “timing” certo para marcar a reunião com o seu chefe ou com o departamento responsável.

Uma boa notícia para quem deseja pedir um aumento salarial mesmo em tempos de crise é que boa parte das empresas – especialmente as de maior tamanho – costumam usar esses momentos para reavaliar a necessidade de alguns colaboradores.

Essa pode ser uma ótima oportunidade para você oferecer mais do seu trabalho e até mesmo mudar de função se achar necessário. O mais importante é se mostrar disponível e comprometido com a empresa.

Faça uma pesquisa de mercado na sua área

Além de analisar a realidade da sua empresa, é necessário que você também tenha conhecimento sobre a sua área de trabalho num geral. Afinal, as empresas se baseiam em critérios pré-estabelecidos pelo mercado para pagar seus funcionários.

Quanto ganha um profissional da sua área em outras empresas? Se você acredita que seu salário está desvalorizado ou abaixo da média, vale a pena fazer uma pesquisa para reforçar seu pedido com dados concretos.

Uma boa maneira de manter-se atualizado sobre a sua área é criar uma rede de contatos com colegas de profissão que tenham uma realidade profissional parecida com a sua.

O Linkedin é considerado hoje a principal rede social profissional existente. Nessa plataforma, é possível fortalecer o networking e ainda incrementar suas habilidades. Lembre-se que estar por dentro do que acontece no mercado é fundamental para quem deseja ganhar mais.

Participar de congressos, workshops e palestras na área é outra dica valiosa para quem deseja se atualizar. Esses eventos ajudam você a trocar informações sobre oportunidades no universo da sua profissão. E essa é uma dica que vale para qualquer carreira profissional!

Portanto, não se esqueça dessa etapa: faça uma pesquisa para saber quanto o mercado de trabalho está pagando para o profissional que exerce a mesma função que você. Dessa forma, você mostra ao seu chefe que está conectado com a realidade do mercado e que há coerência no seu pedido por aumento.

entrevista de emprego 3

Marque um horário adequado para conversar

Será que existe um dia ou horário certo para pedir um aumento para seu chefe? De acordo com um estudo feito pela McGill University, o melhor dia para conversar com o seu chefe é quinta-feira, por conta da melhora do humor relacionado à proximidade com o final de semana. Mas é claro que não é só isso que deve ser levado em consideração na hora de agendar a reunião.

Cada empresa tem o seu ritmo de produtividade, portanto cabe a você analisar quais são os dias da semana mais tranquilos tanto para você como para o seu supervisor.

Reserve um tempo da sua semana para planejar a sua agenda e organizar sua demanda de trabalho, dessa forma você conseguirá conciliar as obrigações do escritório com a reunião por um pedido de aumento salarial.

Informe-se com o RH da sua empresa se há alguma orientação para essa tomada de decisão e descubra como funciona a agenda do seu chefe. Há profissionais que optam por tratar de assuntos relacionados ao final do dia, depois de finalizado o expediente, e outros que possuem uma agenda mais flexível e transparente durante todo o dia. Você conhece a personalidade do seu chefe? Isso pode ajudar na hora de planejar o melhor momento para levantar sua proposta.

Se você tem uma relação tranquila e próxima do seu chefe, a conversa pode ser combinada até mesmo para ser realizada fora do ambiente de trabalho. Mas atenção: nada de marcar a reunião por telefone ou e-mail! Nessas horas, conversar olho a olho é sempre a melhor opção e demonstra confiança.

Não utilize argumentos pessoais

É claro que a vinda de um novo membro para a família, aquela viagem dos sonhos ou um carro novo são motivos de sobra para pedir um aumento salarial, mas sejamos realistas: isso nem sempre é relevante para a empresa. Por isso, na hora de conversar com o seu chefe é importante usar outros argumentos para além dos seus ganhos pessoais.

Você precisa convencer a empresa de que uma maior valorização do seu trabalho implica em ganhos para ambos os lados. Separe argumentos técnicos para apresentar ao seu chefe, de preferência os que estejam relacionados ao seu desempenho profissional.

Uma boa dica é levantar alguns dados sobre a sua produtividade nos últimos meses, como por exemplos os principais trabalhos que foram entregues, projetos que tiveram sucesso e ideias animadoras que você tenha tido para o setor.

E mais do que isso: mostre também o que você ainda pode fazer. Não foque apenas no que você já fez pela empresa, mas também no que você ainda pode entregar. Mostre para o seu chefe que o futuro pode ser ainda mais produtivo e o quanto você se importa com o seu trabalho.

Ao se mostrar antenado sobre o que acontece na empresa, seu chefe notará seu comprometimento com toda a equipe. Um feedback positivo pode ser o grande passo que você precisa, senão para conquistar um aumento nesse momento, mas importante até mesmo para te motivar a continuar no caminho certo.

Amplie o seu leque de habilidades e ofereça novos serviços

Engana-se quem pensa que apenas quem está em busca de uma oportunidade no mercado necessita de cursos e especializações. Mesmo empregado, é fundamental que você mantenha seus conhecimentos atualizados e aprenda novas habilidades para seguir as tendências e não ficar para trás. Participar de eventos ou até mesmo ingressar em uma nova graduação podem enriquecer ainda mais o seu currículo, além de abrir portas no futuro.

Como já citado anteriormente, para pedir aumento para o chefe é preciso fazer uma análise prévia da sua empresa antes de marcar a conversa. Isso aumentará as chances de conquistar um aumento salarial. E durante essa análise, tanto da empresa como da sua posição atual, você pode observar novas oportunidades para oferecer seus serviços.

Que tal ampliar o leque de opções na empresa? Mostrar-se disponível para promoções e novos desafios é sempre visto com bons olhos pelos supervisores. Isso mostra comprometimento com a empresa e confiança para si mesmo. O mais difícil é dar o primeiro passo, depois as coisas fluem como devem ser. Que tal se arriscar mais hoje mesmo?

Faça cursos, participe de palestras e congressos, converse com colegas da área para saber como eles conquistaram posições que você almeja, peça feedbacks para o seu chefe sobre novas oportunidades dentro da empresa e mostre que você não tem medo de encarar desafios. Dessa forma, você mostra ao seu supervisor que tem mais a oferecer e, por isso, merece um salário maior.

Mostre comprometimento com a empresa

Um profissional comprometido com a sua empresa faz toda a diferença, seja para ganhar confiança com os demais funcionários, seja para conquistar um posto maior. As consequências de um trabalho bem realizado são inúmeras, a começar por um possível desfecho positivo na hora de pedir um aumento para o chefe.

Vale lembrar que os ambientes corporativos são bastante competitivos e geram comentários entre empregadores. Quando alguém realiza um mau trabalho, isso pode acabar se espalhando pela “comunidade” de recrutadores da área. Lembre-se que um bom currículo é feito de boas experiências profissionais, mas principalmente de bons comportamentos.

É claro que nem sempre somos capazes de realizar todas as tarefas do mundo, não é mesmo? Por isso, não tenha vergonha de pedir auxílio quando achar necessário. E o mais importante: mostre que está disposto a aprender pela empresa.

Muitas companhias oferecem projetos extras para seus funcionários, e embarcar em um novo desafio pode abrir ainda mais portas para o seu objetivo de crescer na profissão.

Utilize o argumento do tempo de empresa ou aumento de responsabilidades

O tempo de casa é um importante aliado na busca por um aumento de salário. Se você já está em uma empresa há algum tempo, tenha a certeza de que esse argumento tem um peso significativo na hora de conversar com o chefe para pedir um aumento. Isso porque funcionários mais longevos já conhecem a estrutura e o ritmo de trabalho da empresa.

Companhias de renome e mesmo as mais enxutas costumam valorizar profissionais que já possuem estabilidade na empresa. Mas isso não significa que você deva se acomodar. Com o passar do tempo, é normal que a sua produtividade cresça junto com novas responsabilidades – e nem sempre o salário acompanha essa escalada.

Por isso, vale a pena compartilhar com o chefe toda a sua trajetória na empresa, para mostrar a ele de que forma a sua responsabilidade cresceu ao longo do tempo. Valorize o seu crescimento e busque maneiras de ser reconhecido pelos demais, essa troca de confiança entre chefe e empregado é fundamental para o bom andamento de uma empresa.

>>> Saiba o que colocar no currículo quando não se tem experiência na área

Esteja pronto para negociar

Depois de estudar o cenário da empresa, listar suas qualidades e resultados, pesquisar o mercado e definir o momento ideal para conversar com o seu chefe, chegou a hora de negociar. Para quem está em busca de um aumento salarial, é preciso deixar claro que não é do dia para a noite que a promoção pode vir.

Antes de mais nada, tenha em mente que pedir um salário melhor é direito de todos os trabalhadores. Portanto, não tenha medo de dar o primeiro passo em busca de maior valorização profissional. Um primeiro feedback negativo não significa que a batalha está perdida, apenas que o momento pode não ser o ideal. Seja franco com o seu chefe, converse em um tom amistoso e sem nervosismos e deixe a conversa fluir naturalmente.

Defina um propósito para o seu pedido de aumento e apresente-o ao chefe com convicção. Você também pode estimular o supervisor a expor a sua opinião e até a dar dicas de como você pode oferecer um trabalho melhor. Independentemente da resposta que receber, não desanime. É preciso deixar claro para o empregador de que você está empenhado no trabalho para que as portas não se fechem no futuro.

Ao estabelecer alguns critérios de análise prévia e seguir essas dicas que apresentamos hoje, a sua chance de conquistar um salário maior já é consideravelmente maior.

Isso porque você mostrará ao seu chefe que entende a realidade da empresa e que está disposto a contribuir para o crescimento da mesma sem abrir mão do seu crescimento pessoal também. Com um trabalho mútuo entre empregador e funcionário, a tendência é a de um ambiente de trabalho mais flexível e confiante para todas as partes envolvidas.

Ainda há a opção de procurar novas áreas de trabalho caso o seu emprego atual não esteja de acordo com as suas pretensões. E para isso, manter-se atualizado e trocar experiências por meio de networking também ajudará você a buscar outras oportunidades.

Pedir um aumento salarial para o chefe é uma prática comum no ambiente corporativo. Com as técnicas certas, você pode tirar proveito da experiência mesmo em caso de resposta negativa. O importante nesses casos é saber quando dar o primeiro passo, além de trabalhar a autoconfiança para diversas outras situações de negociação que você encontrará no mercado de trabalho.

Se identificou com o texto e está a fim de melhorar as suas habilidades profissionais? Então confira o nosso texto a seguir: Como se tornar um bom profissional em 5 passos essenciais.