Enem

Qual a importância da democracia [Sociologia no Enem]

Por Redação   | 

 Tag: Enem

Você sabe explicar qual a importância da democracia para a sociedade? 

Essa é uma discussão que nunca perde a importância e, por isso, é imprescindível entender a fundo o conceito antes de fazer a prova do Enem.  

Seja para as questões de Sociologia, da seção de Ciências Humanas e suas Tecnologias ou para a redação, o tema democracia pode ser inserido em diferentes contextos. 

Entenda exatamente o que é, qual a importância da democracia e como utilizar esse conhecimento na prova do Enem!

Você vai conferir:

O conceito de democracia
Tipos de democracia
A democracia no Brasil

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se.

O conceito de democracia 

De acordo com a origem etimológica, a palavra democracia significa “governo do povo”. Vem das palavras gregas “demos” (povo) e “kratos” (poder, governo). 

Assim, o conceito de democracia, desde sua criação, refere-se ao exercício do poder do povo.  

Isso significa que as vontades do povo, da população, são soberanas dentro desse sistema político. 

Assim, um dos alicerces da democracia é a participação do povo, seja ela direta ou indireta (representativa).  

Essa participação do povo não se limita apenas aos cargos políticos, mas também refere-se aos movimentos sociais, que são um direito dos sistemas democráticos exatamente por serem uma manifestação e posicionamento da população sobre algo.  

Por isso, dentro de uma democracia, é entendida a liberdade de manifestação e expressão do povo, além das manutenções de direitos humanos fundamentais. 

Também busca-se a igualdade entre as pessoas, com direitos e deveres iguais, e a promoção da liberdade.  

Esses são pontos importantes pois entende-se que, sem eles, a democracia pode ser prejudicada de alguma maneira ou não representar, de fato, as vontades da maior parte da população.  

A ideia de democracia surgiu na Grécia Antiga, sendo considerado um dos primeiros momentos democráticos da história, mesmo que ainda assim excluísse grande parte da população. 

Porém, foi esse o primeiro momento em que a vontade de uma parcela da população passou a ser ouvida.  

Assim, os atenienses viviam uma das primeiras experiências democráticas da história nos anos 500 a.C. e Clístenes ficou conhecido como o pai da democracia em Atenas. 

Era um formato direto, podendo ter a seleção aleatória de representantes dos cidadãos comuns na tomada de decisões ou a realização de uma assembleia com todos.  

Tipos de democracia 

Com o objetivo de atender todos os desejos da maioria das pessoas, existem quatro tipos de democracia, considerando a política contemporânea.  

Democracia direta 

É aquela em que os cidadãos decidem diretamente sobre algum assunto, como acontece, por exemplo, em plebiscitos ou referendos. 

Porém, na democracia direta, a ideia é que isso seja aplicado para todas as decisões, o que torna sua execução difícil, pela quantidade de pessoas.

 Entenda o que é, sua história e qual a importância da democracia para a sociedade que deseja poder de escolha

Democracia indireta, ou representativa 

Nesse tipo, os cidadãos participam diretamente na escolha de seus representantes na política, dando a eles a confiança de que irão agir da maneira como eles agiriam, seguindo seus valores e princípios.  

As decisões propriamente ditas são tomadas por esses representantes políticos. É o tipo mais comum nas democracias ocidentais. 

Na maioria das vezes, também há a possibilidade de realização de plebiscitos e referendos, em alguns casos específicos.  

Democracia liberal 

É um estado democrático (direto ou indireto) com concepções econômicas do liberalismo. 

Assim, busca-se intervenção mínima ou zero do Estado na economia, prioriza-se a iniciativa privada, mas o mantém o Estado para a tomada de decisões políticas, geralmente de maneira representativa. 

Sua existência depende do partido que está no poder. 

Social democracia 

É o estado democrático (direto ou indireto) que tem como característica o uso do Estado para garantir princípios fundamentais de liberdade, igualdade social e justiça social. 

Para isso, o Estado é o responsável por garantir benefícios à coletividade social atuando na economia. 

Existe a iniciativa privada, mas o Estado atua como regulador do funcionamento político, econômico e social. Sua existência depende do partido que está no poder. 

A democracia no Brasil 

A democracia no Brasil é considerada nova, pois foi restituída em 1988 e tem apenas 34 anos de história até agora. 

A redemocratização aconteceu depois de 21 anos de Ditadura Militar no Brasil. 

O dia 25 de outubro é o Dia Nacional da Democracia, sendo que a data foi escolhida em homenagem ao jornalista Vladimir Herzog, morto em 1975 pela Ditadura Militar. 

Assim, tornou-se um símbolo para a liberdade de expressão e individuais, um dos pontos mais importantes dentro do conceito de democracia.  

A partir da redemocratização ficou garantido o sufrágio universal, ou seja, todos os cidadãos adultos têm o direito de votar e escolher seus representantes para realizar as decisões políticas. 

O direito ao voto é um dos mais importantes dentro de uma democracia, pois é ele que garante a participação do povo nas escolhas, mesmo que de maneira indireta, como acontece no Brasil e em praticamente todos os países democráticos.  

Além disso, a Constituição Brasileira de 1988 também têm como direitos garantidos o de liberdade de expressão, liberdade de manifestação e igualdade a todos. 

Por isso, manifestações individuais e movimentos sociais são vistos como imprescindíveis para a existência da democracia, assim como o trabalho livre da imprensa.  

Vale considerar, nesse ponto, que a liberdade de expressão não abarca discursos de ódio e comentários discriminatórios ou criminosos, como é o caso de falas racistas e antissemitas. 

Nesse caso, o indivíduo pode ser punido por cometer ato criminal.  

Outro ponto importante é que muitos estudiosos entendem a democracia brasileira como incompleta, pois apesar de ser representativa, não é um retrato da população brasileira, deixando de fora mulheres, negros, indígenas e outros grupos que são maiorias na população mas minorias na política.  

Um dado sobre isso é do IBGE, que mostra que 56% da população brasileira é negra e 52% são mulheres. 

Porém, na Câmara dos Deputados 75% dos deputados são homens brancos. 

Isso mostraria que apesar de ser representativa por escolha indireta, as necessidades sociais de alguns grupos podem ficar de fora das decisões.  

O tema da democracia se mostra cada vez mais importante para as provas como o Enem. 

Por isso, quem deseja aumentar sua pontuação nas questões e na redação, precisa entender sobre a história da democracia e seu sistema na realidade atual.  

Agora que você entendeu a importância da democracia no Brasil e no mundo, aprofunde seu conhecimento nos tipos de ideologia e entenda um pouco de onde vêm muitas das disputas políticas atuais.

 

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se.